SEJAM MUITO BEM VINDOS A ESTE BLOG!--------ENA!-- TANTOS LEITORES DO MEU BLOG QUASE DIÁRIO! ---ESTA FOTO É UMA VISTA AÉREA DA MINHA TERRA,-TABUAÇO! UM ABRAÇO PARA CADA UM DE VÓS! -ANDRÉ MOA-

terça-feira, 3 de agosto de 2010

CRÓNICAS ALPINAS









A GRANDE ESTÁTUA DE VOLGOGRAD

Algo que chama a atenção dos que visitam a cidade de Volgograd é esta imensa escultura que se vê de todos os quadrantes.
Esta escultura em betão e aço foi edificada num jardim construído para o efeito na parte mais alta da cidade (Kourgane Mamaïeve) que foi palco de combates violentos e decisivos e importantes para a queda do Terceiro Reich.
Obra do escultor Evgueni Voutchetitch, teve por inspiração possível a estátua "A Victória de Samothrace" (220-185 a/C) em mármore e exposta no Museu do Louvre em Paris.
A estátua da Mãe Pátria em Volvograd, edificada como símbolo da guarda da antiga União Soviética, tem uma altura de 85 metros, inaugurada em 1967 e foi durante anos a mais alta estátua do Mundo. Só a espada original, hoje substituída devido à instabilidade em dias de "rafale", de vento, pesava 14 toneladas e tinha 33 metros de comprimento.
Quando visitarem Volgograd, antiga Stalingrad, certamente não deixarão de prestar atenção a esta obra visível de todos os lados e presente a todo o momento para lembrar uma guerra das mais mortíferas da história.
Osvaldo

22 Comentários:

  • Às 3 de agosto de 2010 às 00:54 , Blogger Kim disse...

    Volgograd chamava-se Stalingrado?
    Então a espada de 14 toneladas era certamente a espada de Dâmocles.
    Dum só golpe cortou a crina que pendia sobre uma página negra da história.
    Como alguém muito, muito à esquerda, disse um dia - Deus proteja a Santa Rússia!
    Abraço amigo

     
  • Às 3 de agosto de 2010 às 07:31 , Blogger Laura disse...

    Xi, sabes porque nunca me apanharam lá? Imagina!... que chegava num dia de vento, já que sou a nina dos vendavais, e a espada lembrava-se de balançar em demasia..e depois procuravam pela nina e ?...nada!...

    Não conheço esses País, já andei por meio mundo, por Áfricas, Brasil mas já te disse que desde menina tinha um medo aos Russos, e acho que se um dia me aparecer um à frente, ainda vou conseguir fugir a sete pés!
    Que queres, eram as noticias nos jornais que eu soletrava aos cinco anos! era cá um cagaço que nem te digo.
    Uma coisa é certa, os monumentos e as suas praças que vejo por aqui, são de uma beleza sem par!
    Beijinho e vai escrevendo que eu vou aprendendo... a nina

     
  • Às 3 de agosto de 2010 às 07:38 , Blogger Laura disse...

    Ah, gosto muito, ou antes, gostei, (nos tempos em que tinha muitos livros em casa)de ler a Ana Karenine, do Leão Tolstoi, e tudo o que fosse histórias de Kosovares, e gente de aldeias Russas, mexia comigo, adorava ler... e como já disse, a minha biblioteca que esperava um dia caber na minha casa, a tal da casa baixinha, com flores no peitoril da janela, ou seja a minha casinha sonhada, tão simples, tão soalheira, foi-se por água abaixo numa enchente há mais de seis anos,e centenas e centenas de livros que guardava desde os meus tempos de nina, foram-se numa noite em que as águas subiram até ao tecto e entre eles estava o livro grande, de capa branca com as letras em relevo...que foi oferecido ao pai tinha eu uns 16 anos, altura em que o li...em Espanhol! se o Espanhol era uma língua que falei e aprendi entre os 4, 5, 6 anos..depois deixei de ouvir, de a falar...
    (Ah, hoje vou ver uma casa que nem é baixinha, mas está ao preço da chuva e aí vou poder realizar o meu sonho, aquele sonho que vos contarei quando à lareira com o GT, pudermos contar as nossas histórias e os nossos sonhos...
    ah, mas que coment.. laura

     
  • Às 3 de agosto de 2010 às 13:30 , Blogger JE VOIS LA VIE EN VERT disse...

    Caro Osvaldo,

    Vendo as tuas belas fotos e lendo os teus comentários sobre elas, ficamos com uma pequena ideia do que podemos observar se ou quando visitarmos Volgograd. É um dos locais que podia ser escolhido para uma reunião do GT, por exemplo....
    Pareceu ter percebido que há quem faz confusão entre o GT e um grupo de tabuacenses. Este GT intriga muita gente e no entanto não existe nenhuma intriga ou segredo visto se tratar de um simples grupo de amigos que se prezam muito.
    Muitos beijinhos para ti e para todos os membros do GT.
    Verdinha

     
  • Às 3 de agosto de 2010 às 13:37 , Anonymous Anónimo disse...

    Irmão Osvaldo!

    Além da história, das estátuas e dos monumentos, que fazem as delicias de alguns visitantes a Volgograd, há que acrescentar que esta cidade é o lar de algumas mulheres mais bonitas do mundo, são outros tesouros para outras vistas.
    Quando se fala destes locais da Russia, pensamos logo nas politicas de Lenine/Estaline, confrontos civís e 2ª guerra mundial, esquecemo-nos que existe outra face, a beleza natural e a beleza arquitectónica, que merece ser divulgada e conhecida.
    Beijo duplo para ti e Ana.
    L&L

     
  • Às 3 de agosto de 2010 às 21:14 , Blogger Osvaldo disse...

    Caro Kim;

    Volgograd, antes Tsaritsyne, chamou-se Stalingrad entre 1925 e 1961...
    A espada original foi substituida devido à insegurança em dias de fortes ventos e a região é propicia a isso.
    Quanto à frase de um ultra da esquerda, normalmente eles só se dizem não crentes por vergonha de se afirmarem perante o partido, porque na realidade quando "a coisa fica feia", bem que clamam por Deus. Nem que seja para dizerem;... Ai meu Deus!.
    Um abraço.
    Osvaldo
    Um abraço

     
  • Às 3 de agosto de 2010 às 21:16 , Blogger Osvaldo disse...

    Nina;

    Não tenhas medo porque os Russos não comem as criancinhas...

    bjs, Nina
    Osvaldo

     
  • Às 3 de agosto de 2010 às 21:26 , Blogger Osvaldo disse...

    Verdinha;

    Boa ideia. O lugar é ideal para reuniões, tem grandes salões para conferências e pelo menos, longe como é não haveria "fofocas e politiquices"...
    Mas se eu pudesse escolher para uma visita do GT, seria sem dúvida Saint-Pétersbourg a mais bela cidade da Europa a nivel cultural e arquitetónico.
    Um destes dias falo sobre ela.
    bjs.
    Osvaldo

     
  • Às 3 de agosto de 2010 às 21:37 , Blogger Osvaldo disse...

    Olá minha irmã...

    Tens razão em citar a beleza de Volgograd assim como a beleza das mulheres da região. Confirmo a beleza natural original já que muita dessa beleza é transmitida pelo Volga o imenso delta que banha a cidade.
    Mas o meu intuito nestes post's foi chamar a atenção para a poluição e degradação da industria abstrata e arcaica que estão a contaminar este imenso e belo rio.
    O povo, este ainda guarda a amarga lembrança das constantes agressões que a sua bela cidade e suas gentes foram alvos durante todo o século passado e não foi apenas a II Guerra, assim como sofre com a contaminação a que o seu solo e napa friática foi sujeita.
    Mas também é verdade que este mesmo povo composto de belas mulheres sem dúvida e com uma juventude que quer mudar o rumo à história, tem grande orgulho na sua bela cidade.
    Obrigado irmã L&L, por teres mostrado teus conhecimentos (justos e corretos) sobre uma região e uma cidade que tem uma beleza impar, mesmo no frio Inverno.
    bjs, L&L,
    Osvaldo

     
  • Às 5 de agosto de 2010 às 01:32 , Blogger mundo azul disse...

    _________________________________________

    Confesso que nem sabia da existência dessa estátua... É soberba, realmente!

    Gosto do modo como você escreve... Gosto muito!


    Um noite em que conversamos rapidamente, chamou-me de Camélia, mas nunca foi visitar-me... Gostaria imenso da sua visita em minha casa!

    Beijos de luz e o meu carinho!!!

    ______________________________________________

     
  • Às 6 de agosto de 2010 às 11:32 , Anonymous Anónimo disse...

    Lembras-te Osvaldo ou eras tu ou o Moa no chat comigo e com a Zélia, ah, atão façam o favor de ir visitar a Camélia que é a zélia... e uma linda e bela flor que exala o aroma da pura amizade!
    Um beijinho e anda tudo de férias ou a arejar a cabeça, o calor aperta e os blogues ficam quase às moscas...
    Eu devia encostar a porta do meu, sinto a falta de todos, especialmente do nosso grupo unido...e daqui a pouco mataremos as saudades de uma vez...

    Abraço apertadinho cheio de miminho amor, carinho, da miúda das resteas. vou como anónima pois senão tenho de ir fechar o gmail e tornar a abrir...sou eu a

    Laura

     
  • Às 6 de agosto de 2010 às 16:28 , Blogger SEVE disse...

    É mesmo caso para dizer GRANDE ESTÁTUA.

     
  • Às 7 de agosto de 2010 às 08:10 , Blogger Laura disse...

    Osvaldo tenho uma amiga querida que vai visitar a Rússia, vai estar me 4 cidades distintas, a sortalhuda, e eu irei ver tudo pelos olhos dela, quando regressar com fotos e com sorrisos...já lhe disse que só tem de ter cuidado com os Russos, é que ela é bem linda, jeitosa e ainda acaba por ficar por lá!...

    Beijinho e aquele abraço apertadinho, desganar, da laura..

     
  • Às 8 de agosto de 2010 às 20:12 , Anonymous Anónimo disse...

    Anda tudo às moscas, o mês de Agosto é uma desgraça, nem vos apanho...está calor p'ra diabos..
    Amanhã vou dar um passeio com Nuno, praia, almoço, mas que maravilha...
    Beijinho a todos, laura
    anónima Laurinha...

     
  • Às 8 de agosto de 2010 às 20:24 , Blogger Andre Moa disse...

    Continuo de férias e estive três dias sem internet.
    Esta manhã visitei a igreja do castelo de Sesimbra,muito rica em azulejaria, depois de ter dado a volta pelas muralhas e ameias com o meu neto que adorou o passeio. "Nunca vi uma coisa destas" - disse ele às tantas, fascinado. Se não visitarmos igrejas e palácios, pouco há que ver de artístico. A nobreza e o clero tinham o monopólio do saber e o dinheiro para o aumentar e usavam-no quase exclusivamente em proveito próprio. Só agora, pouco a pouco, as coisas estão a querer mudar, embora muito lentamente. Só conheci a igreja de São Domingos (de que nos fala a Maria no seu último post) devorada pelas chamas. Como não tenho termo de comparação, achei piada àquelas colunas chagadas, esturricadas.
    Abreijos
    André Moa
    André Moa

     
  • Às 8 de agosto de 2010 às 21:33 , Blogger JE VOIS LA VIE EN VERT disse...

    Caro André,

    Que bom ver-te de novo na blogosfera e ainda bem que gostaste da lenga-lenga do meu cantinho verde. Sempre aprendeste alguma coisa ?
    O teu netinho já promete crescer e adquirir uma grande cultura geral. Enquanto fizer os seus passeios e visitas com o seu avó, está no bom caminho, alem de adquirir uns bons valores, aumenta o seu conhecimento ! Daqui a nada, já vamos ouví-lo a recitar poesias ou até cantá-las.
    Já vi que estás em grande forma, até assinas 2 vezes !
    Continuação de boas férias !
    Beijinhos amigos da
    Verdinha

     
  • Às 8 de agosto de 2010 às 22:32 , Blogger Laura disse...

    Moaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa...rapaz, meu rapaz, meu amigo, meu querido Moaaaaaa, ai que saudadinha da nossa janelinha no chat... tenho lá ido todos os dias regar o manjerico e esperar por ti. Sei que agora não podes vir à janela, mas também sei que te lembras da laura, a nina que te punha os cabelos em pé quando conseguia chatear-te em demasia...Mas ao menos não te esqueces de mim. Aposto que já deste contigo a pensar; a laura estará na janela? terá sentido a minha falta? claro que sim... senti pois e tu a minha. Os grandes amigos nunca se esquecem, nunca... e o Doce September está a chegar... e com ele beijinhos e abraços vamos trocar!... já que sou a princesa e tu o D. Thedon...vá lá, muito nos vamos rir... Aquele nosso apertadinho abraço..laura

    Ah, o rapaz começa a olhar para as coisas de outra forma, está a crescer. Eu em nina tinha medo de me chegar ao pé dos túmulos em pedra nos Mosteiros, Castelos onde o pai me levava, passava de largo mas a disfarçar...tadinha, era pequenita e nem ouvia e assim, era normal, agora até me deito dentro deles como o fiz em Tabuaço e os restantes nenhum foi capaz, era para não se sujarem; diziam, ahhhhhh

     
  • Às 9 de agosto de 2010 às 01:31 , Blogger Zé do Cão disse...

    Se os árabes tivessem uma espada assim decerto "Plágio" não se batia com eles.

    Não é um abraço é um abração

     
  • Às 9 de agosto de 2010 às 21:18 , Blogger JE VOIS LA VIE EN VERT disse...

    Caros tabuacenses,

    Fiquei arrepiada quando vi que os incêndios até chegar à vossa terra. Espero que se afastem rapidamente e que ninguém se magoe ou tenha prejuízo !
    Beijinhos
    Verdinha

     
  • Às 9 de agosto de 2010 às 22:38 , Blogger Laura disse...

    Ah, lá vem a laura de mangueira para apagar o fogo...Deus o livre de chegar aos nossos lugares de culto...

    Espero que já esteja extinto e que seja pouco, mas pelo que vi, pouco nem era... na fonte da Moa não passa ele...

    Bom, no nosso dia, decerto já terá tudo passado mas fica a mágoa de ter ficado a terra queimada e as pessoas aflitas com as suas casas...

    aquele abraço envolvendo a todos, da laura

     
  • Às 11 de agosto de 2010 às 16:22 , Blogger Laura disse...

    Oh e Tabuaço continua a arder, mas que desgosto e coitadas das pessoas naquela aflição!

    Ai gente linda, o calor afasta-vos daqui? pois a mim não, nadinha.
    Beijinho a todos, todos sem excepção..laura


    Moaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa...

    já tenho o vestido da princesa acabadinho, lindo, ah arranja lá uma fatiota para dar comigo..o D. Thedon, queres que te faça um capote? ahhhhhhhhhhhhhh... bem me ri ao ver-me no espelho...o decote é que não há maneira de ficar mais pequeno...é que acordo o D. Thedon do longo sono dele e depois é que são elas...

     
  • Às 13 de agosto de 2010 às 01:28 , Blogger air max nike disse...

    Thank you very much for this article!
    For a long time I have done exactly what you warn against. This article

    was a slap in the face - but a needed one.
    That being said, what is the value of an intuitive explanation? Is it to

    give a lay person an "ah-ha" moment? Is it good to have SOME

    understanding, even if it is "vague and mush?"
    air max 2009
    air max shoes
    air max 90

     

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

Hiperligações para esta mensagem:

Criar uma hiperligação

<< Página inicial

 
Que cantan los poetas andaluces de ahora...